terça-feira, 26 de novembro de 2013

Historinha do livro Jonas o Menino Guerreiro.

                                                                             

quarta-feira, 13 de novembro de 2013

Significado das Letras A, B e C dos Anos Litúrgicos e Como Calcular o Ano Litúrgico

O que é ano A, B e C? Como saber?

As leituras Bíblicas que ocorrem nas celebrações caracterizam-se com o chamado Ano Litúrgico criado para acompanharmos através das leituras dos textos bíblicos (evangelho e outros livros) a vida de Jesus em ordem cronológica do nascimento até a ascensão aos céus. Assim, ouvimos nas celebrações textos que falam do anúncio do Messias, da encarnação, de seu ministério público com milagres, do chamado ao discipulado, discursos, parábolas, até culminarmos com morte e ressurreição, nos preparando para a Parusia, ou seja, do Cristo Rei do Universo no final do ano litúrgico. A ideia desta distribuição de textos bíblicos ao longo de 3 anos tem como objetivo se ter uma visão e leitura de toda a Bíblia.

A cada ano tem uma seqüência de leituras próprias, ou seja, leituras para o ano A, ano B e para o ano C.

O significado das letras dos anos litúrgicos A, B e C:

O rito romano, utilizado nas celebrações da Igreja católica possui um conjunto de leituras bíblicas que se repetem a cada três anos perpassando os domingos e as solenidades. A cada ano, a liturgia das celebrações segue uma sequência de leituras próprias, divididas em anos A, B e C.
- No ano “A” a leitura principal do evangelho na celebração segue o Evangelho de São Mateus;

- No ano “B”, a leitura principal do evangelho segue o Evangelho de São Marcos;
- No ano “C”, a leitura principal do evangelho segue o Evangelho de São Lucas.
Já o Evangelho de São João é reservado para as ocasiões especiais, principalmente as grandes Festas e Solenidades. Para este evangelho não existe um ano litúrgico.

Como é calculado o ano litúrgico?
Somando os algarismos do ano. O ano em que a soma dos algarismos for um número múltiplo de 3 é do ciclo C.
2013 = 2+0+1+3= 6. 6 é múltiplo de 3, então o ano litúrgico foi ano C. O ano 2012 foi o ciclo B, e o ano de 2011 foi o ano litúrgico A e 2016 = 2+0+1+6 = 9 múltiplo de 3 - será novamente ano C (confesso que ainda não entendi muito bem! rs).
Vejamos outra explicação:
"Como calcular o ano litúrgico e descobrir em que ano estamos?
É fácil. Como regra geral podemos dizer que “todo múltiplo de três é C”
Assim fica fácil calcular.
Vamos lá – por exemplo –
1998 é 1+9+9+8 = 27 (é múltiplo de três) logo é ano C
1999 é 1 + 9 + 9 + 9 = 28 (27+1) = ano A
2000 é 2+0+0+0 = 2 = ano B
2001 é 2+0+0+1 = 3 = ano C
2002 é 2+0+0+2 = 4 (3+1) = Ano A"
Bom, acho que agora clareou um pouco. rs Quer dizer que múltiplo de 3 é ano C; múltiplo de 3 + 1 é ano A, e os que forem diferentes disso é ano B.
Atenção para isso:
O ano litúrgico inicia-se no primeiro domingo do Advento (cerca de quatro semanas antes do Natal) e se encerra com a solenidade de Cristo Rei do Universo do ano seguinte. Portanto, o ano A já se inicia dia 27/11/2016 !

Ano da Fé

No próximo dia 24 de novembro, Domingo de Cristo Rei, será celebrado o encerramento do Ano da Fé. Em muitas igrejas, mais uma vez, as comunidades farão a solene renovação da profissão da fé.
O Ano da Fé foi uma bênção, pois nos ajudou a tomar consciência renovada da preciosidade da fé da Igreja e da importância de professá-la com convicção e alegria. O Ano da Fé termina, mas a vivência da fé continua; temos agora o nosso compromisso de testemunhar a fé com intensidade e de traduzir a fé em frutos de vida cristã. Não basta ter iniciado bem o caminho: é preciso perseverar nele, para alcançar a meta da nossa fé: a vida eterna e a comunhão plena com Deus.
                                                                           


O papa disse: “A fé vivida abre o coração à Graça de Deus. Evangelizar significa testemunhar uma vida nova, transformada por Deus.”